2011-09-02

No cafofo do Dirceu.

Um comentário:

José de Araujo Madeiro disse...

Tia Cê,

Está evidente que o Zé Dirceu tem um poder paralelo, com anuência do PT e submissão da Dilma.

Que magnífica terrorista, guerrilheira e comunista!

O Brasil está f.....

Mas, repassamos para vodê este comentário:

Aluízio Amorim,Augusto Nunes, Reinaldo Azevedo,Ruth de Aquino,

Nós precisamos de sabedoria para não sermos usados pelos PTralhas, como instrumentos, para a concretude dos objetivos deles, particularmente do Lula da Silva, O Chefão, que busca a Longevidade de Poder e tornar-se impune na história.

A ¨massa ignara¨ não entende nada disto, contenta-se com o pão-e-circo e a quimera da utopia. Nada sabe de desenvolvimento, de liberdade e de democracia. E, para isto, é imprescindível que se tenha neurônios, de escolaridade e de capacidade para reagir e trabalhar. Isto não brota da terra, feito geração espontânea. Sobretudo estimulada por alguém que sempre age de má-fé e que se aproveita, por meio da linguagem chula, das ansiedades imediatas do seu povo, como o Lula faz e conduz os seus companheiros do PT, incluindo a sua dama-de-ferro, a Dilma Rousseff.

O Lula, dentro da Nova Ordem Mundial e da Especulação Financeira Transnacional, cumpre um papel de moleque-de- recados, a serviço deles.

Transformando a nação brasileira, numa nação de quinta categoria, como mera exportadora de suas matérias primas (suas commodits), agora, preferencialmente, para China. A China sim, que busca mercados e que sonha com a hegemonia mundial, destronando os Estados Unidos.

O Lula não pensa no Brasil e nos brasileiros. Quer sòmente poder, dinheiro, impunidade e a idolatria à sua ¨rara¨ inteligência.

Assim busca censurar à imprensa e desfigurar o Congresso Nacional, extinguindo o Senado da República, para não ter adversários, tais como o Álvaro Dias, o Demóstenes Torres,o Jarbas Vasconcelos e alguns outros independentes. Para poder agir contra a Revista Veja e seus jornalistas de reconhecido valor, tais como Reinaldo Azevedo e Augusto Nunes.

Devemos estar atentos para estimular à nação numa reação contra a esta Ditadura PTralha, que a cada dia se torna visível para todos críticos!

Att. Madeiro