2009-12-16

AQUECIMENTO GLOBAL NÃO EXISTE

Antes tarde do que nunca: a sanidade finalmente vai ao ar

por Redação Mídia@Mais em 16 de dezembro de 2009 Opinião - Ambientalismo

E-mail Imprimir PDF

Prof. Luiz Carlos Molion no programa Canal Livre: 'CO2 é o gás da vida...CO2 não é poluente'

Assim, e em dois sentidos, pode ser descrito o programa Canal Livre da BAND, levado ao ar na madrugada do último domingo para segunda e que tratou das mudanças climáticas, emissões de CO2 e da COP-15.
Gravado no sábado, dia 12/12, e programado para ir ao ar às 23h:30 de domingo, em muitas localidades só começou a ser transmitido aos 00:15 minutos da segunda.
Antes tarde do que nunca. O telespectador ao menos foi brindado pela ordem dos entrevistados. O primeiro foi o Prof. Luiz Carlos Baldicero Molion, o mais importante climatologista brasileiro.
Sem meias palavras, o Prof. Molion soube usar o tempo que lhe foi concedido para refutar a falácia do AGA e expor o que está por trás de toda essa agitação midiática: interesses políticos, econômicos e a ideologia da eugenia. Numa frase, o Prof Molion conseguiu sintetizar a sua brilhante participação: “CO2 é o gás da vida...CO2 não é poluente”.


Surpresa agradável foram as perguntas dos entrevistadores da BAND, Joelmir Beting, Fernando Mitre e Antonio Teles, que parecem ter percebido o grave erro do governo brasileiro, que em grande comitiva, foi a Copenhague oferecendo aquilo que será danoso para o país.


Os outros entrevistados ofereceram resposta frouxas, evasivas ou a visão do IPCC, à exceção de um entrevistado fora do estúdio, Engº da Embrapa. Confira nos vídeos.


Com as decisões políticas equivocadas já tomadas em função de um triunfalismo arrogante e eleitoreiro, misturado à ignorância das complexidades do tema, mas também pela indecorosa falta de atenção que a grande mídia deu aos alertas dos verdadeiro cientistas, o programa da BAND veio tarde. Antes tarde do que nunca, mas a um custo incalculável.


http://www.band.com.br/canallivre/videos.asp 

Partes 1 e 2, Prof. Molion.

Nenhum comentário: