2009-05-21

PIB DESMORONA PARA METADE E LULA GASTA NO BOLSA COITADO

Quinta-feira, 21 de Maio de 2009

O desplanejamento de um governo... ou o milagre da redução do PIB...

Planejamento reduz projeção do PIB para 1% em 2009

"O Ministério do Planejamento revisou nesta quarta-feira (20) a projeção para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) do país em 2009, passando de 2% para 1%. Segundo o ministério, a revisão se deve à crise econômica mundial... O Ministério do Planejamento revisou nesta quarta-feira (20) a projeção para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) do país em 2009, passando de 2% para 1%. Segundo o ministério, a revisão se deve à crise econômica mundial... O Ministério também divulgou que vai liberar R$ 9,1 bilhões, sendo R$ 6 bilhões para o programa "Minha Casa, Minha Vida" e R$ 3,1 bilhões para despesas dos órgãos..."

Fonte: G1


Um único comentário meu:

Sabe qual é a definição de PIB, amigo?
"O PIB (Produto Interno Bruto) é um dos principais indicadores do potencial da economia de um país. Ele revela o valor (soma) de toda a riqueza (bens, produtos e serviços) produzida por um país em um determinado período, geralmente um ano..."
... quer saber mais, clique aqui ou aqui, ou em mais de trezentas mil definições possíveis ou links relacionados propostos pelo google... o que importa são as primeiras palavras da definição geral, ou seja, um dos principais indicadores de crescimento da economia... se a economia estava projetada para crescer x e foi reduzida pela metade, significa em português antigo, não unificado ainda que a política econômica do partido único e dominante está e é uma grande porcaria, tocada por fantoches sindicalistas distantes de uma realidade de qualidade, competência e confiabilidade... como a projeção do PIB reduziu pela metade, o descontingenciamento será, como mostra a reportagem, em função do programa populista bolsa favela e da manutenção, ou seja, custeio da balofa e ineficiente máquina estatal, impregnada de companheiros, afilhados e associados, fatores que unidos à já comentada pouca expectativa de competência das ações dos condutores da macroeconomia estão levando nosso país para ombrear esforços com o rebotalho da humanidade...

Nenhum comentário: